Sua senha expirou

Outono começou e a temporada de incompreensões do verão ainda insistem em persistir.
Não imaginava que uma atitude de adolescente imatura poderia render tanto assim!
Sério, fico indignada com pessoas que em pleno século acreditam fielmente que para conquistar alguém, deve-se fazer joguinhos.
É por esta razão que tenho alguns amigos metidos em enrascadas pós-término. Para ficar bem claro, sem interpretações dúbias: Não é não; sim é sim;  claro é claro; lógico é lógico; talvez é ainda estou esperando por alguém melhor e nunca é expirou sua senha, finito…
Conheço alguém que não consegue afastar um ex. Ele simplesmente não entende o “não te quero mais”, ele, infantil como aqueles adolescentes imaturos, pensa que esse alguém está jogando, fazendo tipinho. Continua a perturbar. Nem eu aguento mais esta situação, pois sempre rola aquela pergunta depois do “oi, tudo bem?”: “ele já se mancou?”, seguida da resposta “não, não sei mais o que faço.”. Já rolou ser grosso, manter distância e desaparecer que ele segue lá, firme e forte.
Até sugeri um fora típico de adolescente que eu chegasse nele e terminasse de vez com ele por terceiro: falar “querido, faça esta fila andar porque essa senha expirou!”.
Se isso não funcionar, tenho um plano de B: fazer gestos e sinais, desenhar a situação ou ainda citar “hasta la vista baby!” (sempre quis dizer isso). Porque só assim para ele se mancar que quando acaba, acaba mesmo, não tem uma continuação. 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Contos, Romance

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s