Arquivo do mês: setembro 2012

Conflitos de interesses

Já começo adiantando que não é fácil conciliar relacionamentos, pois cada par desenrola seus desentendimentos de uma forma particular.
Sou ótima conselheira amorosa, como escrevi em textos anteriores. Dou excelente conselhos, como ando com muitos psicólogos, aprendi as técnicas deles e vou utilizando sua aplicação até com os próprios!
Talvez isso ocorra pelo fato de que é muito mais fácil olhar os erros dos outros e apontá-los para facilitar o desfecho no relacionamento alheio do que cutucar a nossa ferida para o fim de concluir o que deve ser feito ou decidido.
Não há que se falar em conflito de interesses neste caso e a sua imparcialidade não reina, pois se almeja tão somente a felicidade daquele angustiante indeciso sobre como será a manutenção do relacionamento visto que a confusão e a raiva nos cegam (sei bem isso).
Assim, não me assusto quando meus antigos amores espantam-se com a maturidade pela qual descrevo abertamente tudo neste espaço quando sou a campeã de travar.
Sou a pessoa que foge de relacionamentos, ergo barreiras com a aplicação de regras absurdas para me proteger, por isso, tenho vasta experiência nas diversas formas de relacionamentos e as situações deles decorrentes.
Se você está na dúvida, ouça seu interior, o que ele diria ao seu melhor amigo como se fosse dele o pedido de conselho. Só cabe a você ouvir e seguir desde que você queira, se não optar pelo conselho, arrisque-se e continue a sofrer, afinal, a escolha sempre será plenamente sua de agir ou não.
Nem sempre ouço meus conselhos, todavia, procuro sempre segui-los como posso. Apenas cabe a mim o legado de aceitar o árduo desafio de permanecer no caminho apontado.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pessoal, Romance

Chuck Bass

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Fernando Pessoa

“Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida. A música embala, as artes visuais animam, as artes vivas (como a dança e a arte de representar) entretêm. A primeira, porém, afasta-se da vida por fazer dela um sono; as segundas, contudo, não se afastam da vida – umas porque usam de fórmulas visíveis e portanto vitais, outras porque vivem da mesma vida humana. Não é o caso da literatura. Essa simula a vida. Um romance é uma história do que nunca foi e um drama é um romance dado sem narrativa. Um poema é a expressão de ideias ou de sentimentos em linguagem que ninguém emprega, pois que ninguém fala em verso.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Tati Bernardi


“Sou pessoa de dentro pra fora. Minha beleza está na minha essência e no meu caráter. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto. Estou aqui é pra viver, cair, aprender, levantar e seguir em frente.

Sou isso hoje…
Amanhã, já me reinventei.
Reinvento-me sempre que a vida pede um pouco mais de mim.
Sou complexa, sou mistura, sou mulher com cara de menina… E vice-versa. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar…
Não me dôo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos. Sou boba, mas não sou burra. Ingênua, mas não santa. Sou pessoa de riso fácil…e choro também!”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Inspirações para comemorar o aniversário

Seguem algumas das inspirações para comemorar o aniversário:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Maquiagem, Pessoal

Como se sente a garota do rímel borrado


“A senhorita sente, como sempre, os melhores sentimentos da natureza humana. Tais sentimentos deveriam ser analisados, para que eles mesmos pudessem conhecer-se.” Jane Austen

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Fernanda Young


“Eu sou mole demais por dentro pra deixar todo mundo ver. Eu deixo pra quem eu acho que pode comigo. Ninguém sabe. Mas eu tenho coração de moça.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações