Arquivo do mês: outubro 2012

Como se sente a garota do rímel borrado

Deixe um comentário

por | 29/10/2012 · 00:12

Platão


“Aprender é mudar posturas.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Fernanda Young

“Oi, tudo bom? Infelizmente, esta carta não é de quem você esperava. Mas, como eu sei direitinho como você se sente, talvez traga boas notícias. Olha, desculpa minha sinceridade, mas a vida é muito curta para ficar aguardando pelos outros. Se quem você aguarda realmente se importasse com você, já teria dado algum sinal de vida. Parta para outra. Já reparou numa certa pessoa que você conhece e tem uma quedinha por você? Não posso dizer quem é, mas pode ser alguém que trabalha do seu lado ou que mora perto da sua casa ou que frequenta um mesmo lugar. Sei que se trata de uma pessoa bem legal, vale a pena procurar saber quem é. Fique de olho, tem um monte de gente reparando em suas qualidades. Aposto que, se você olhar em volta, neste instante, tem alguém olhando disfarçadamente para você. Pode não ser o seu tipo, mas já é uma dose de auto-estima, substância da qual você carece. A verdade é que, enquanto você estiver assim, nessa interminável agonia, esperando notícias que nunca chegam, vai deixar passar várias possibilidades interessantes ao seu redor. Claro, ninguém se compara a quem você aguarda, mas quem você aguarda não está disponível no momento. Poderá, inclusive, nunca estar, apesar de tudo o que foi dito naquele dia. Pessoas que somem não são confiáveis. E, mesmo que você tenha certeza absoluta de que não se trata de desprezo, que deve ter acontecido alguma coisa, que esse sumiço tenha alguma explicação, não adianta nada você ficar aí esperando. Corroer-se de ansiedade não vai apressar a resolução do problema, seja ele qual for. Então, desencana.Dá uma esquecida desse assunto, tenta focar as energias naquilo que depende da sua vontade. Caso seja necessário, para tirar de vez essa história da cabeça, mande você uma carta esculhambando e colocando um ponto final na questão. O fato é que não dá para você continuar assim, desse jeito. Está todo mundo comentando. Ninguém tem coragem de dizer isso para você, mas todos concordam comigo. Já chega. Além, do mais, se for para ser, será. Um dia, quando você menos espera, pinta um reencontro, sei lá. Mas até esse possível reencontro fica mais difícil se você não se abrir de novo para o lado inesperado da vida. E, cá entre nós, se a pessoa que você aguarda é quem eu estou pensando, também não é nenhuma belezura assim. Você arruma coisa melhor. Mande notícias, ficarei aguardando.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Inspirações para a semana

Seguem algumas fotos de inspirações para semana:

Este slideshow necessita de JavaScript.


Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Beleza, Inspirações

Danuza Leão

“Depois de passar por várias paixões sofridas e alguns casamentos errados, não estar apaixonada é um luxo. Uma sexta-feira, às 7 da noite, você está sozinha, sem a angústia de esperar aquele telefonema. 
Sente-se independente e decide sair. Enquanto pinta o olho, começa a pensar em que restaurante vai, sem ninguém para dizer que prefere outro. 
Quando chega lá, toma dois drinques sabendo que é uma mulher livre e resolvida, que não precisa de ninguém para uma coisa tão banal, que é jantar fora. Não é um luxo?
Bom demais é ter resistido à compra daquele vestido lindo, que fez você ficar duas noites sem dormir pensando “compro ou não compro?”, e passar pela loja uma semana depois, ver que ele está em liquidação, pela metade do preço, e que você nem o quer mais… 
E quando chega de uma reunião de trabalho com a cabeça quente, se sentindo um lixo, e a empregada fez aquela sobremesa que você adora, não é como se o Universo estivesse todo a seu favor? 
(…)
Percebo que misturei muitos luxos com momentos de felicidade; mas… existe luxo maior do que ser feliz?”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Memórias de um passado não tão distante

Não sei como tudo começou.
Só sei que precisava desabafar: de você, para você, sobre você. Assim, surgiu este espaço. Já não podia contar mais com seus conselhos amorosos.
Como poderia falar de você para você? 

Mentira, recordo-me exatamente de como tudo começou, bem antes disso tudo surgir e me bagunçar literalmente.
Não me lembro exatamente qual dia era, porém, tenho quase certeza que era um sábado, afinal, os sábados sempre são tumultuados para a gente. Era um dia como outro qualquer.
Nova mentira: já tinha percebido que algo tinha mudado de lugar quando fiquei encanada com o que iria vestir.
Não era aquela eterna dúvida feminina sobre o que vestir e sim, sobre o quanto você gostaria ou ficaria incomodado com minha roupa.
Quase que imediatamente percebi o quanto isso estava fora de lugar, pois NUNCA me importei com a sua opinião sobre meu vestuário e justo naquele dia tão ordinário como todas as outras incontáveis saídas iria me preocupar sobre o que você pensava justamente sobre isso.
Tudo transcorreu como sempre, no entanto, “inesperadamente”, no final você me beijou e eu retribui. Owwww.
Por favor, me dê alguns minutos para recuperar a minha sanidade… precisamos conversar… tem certeza?
Não podia acreditar… sério?
E agora?
Muitos suspiros e tempos depois, novamente, em outro sábado, retomamos aquele velho e confortável sentimento típico de uma relação embaçada…
Não esperava pelo seu pedido implorando que ficasse.
Como poderia? A minha vida seguiu sem você, mesmo não querendo.
Justo no dia em que tinha planos irremediáveis, você retornou.
Só quero destacar que abri um considerável espaço na agenda só para te ver e resolver tudo.
Jurava de pé junto que levaria a maior bronca de você.
Não podia ficar não naquele momento, você bem o sabia.
Surpreendentemente, você me deu um novo beijou.
Foi quando percebi o quanto você me tira do chão. Literalmente, até diria, pois não sei se você sabe ou viu o escorregão que cai. (Risos)
Depois de inúmeras rotações e translações do nosso planeta, cá estamos outra vez…
Não sei se você constatou o quanto você faz de mim forte, só tenho a certeza de que quando estamos bem, o meu sono é leve e tranquilo.
Fico relaxada por saber que está tudo certo entre a gente.
Por favor, vamos fazer um trato para nunca mais brigar?!
Prometo que minha “independência” não atrapalhará tanto desde que você se comprometa em amadurecer também.
Vivo negociando condições para saber o limite intransponível que acredito ser impossível desde aquele sábado.

Deixe um comentário

Arquivado em Pessoal, Romance, Vícios

Como se sente a garota do rímel borrado

Deixe um comentário

por | 22/10/2012 · 00:09