Arquivo do mês: janeiro 2013

Da série de desenvolturas da garota do rímel borrado: fora

tumblr_m99cul04Lh1rcmjzgo3_250

Recomeçar. Este foi o plano que mais lhe assustava e de uns tempos para cá, era apenas o que lhe acalmava.
Perder-se na rotina de sua exclusiva companhia era o maior desafio. Como suportaria?
Até que em um filme uma conclusão lógica e coerente foi apresentada: o quanto um homem tem o papel de enrolar uma vida, em especial da sua companheira.
É tanta indecisão em meio de necessidade de comandar a direção da vida do respectivo parceiro. Sem mencionar o quanto emotivos os homens estão hoje em dia. Sensíveis demais para o gosto feminino que tem de lidar com tantas decisões profissionais, pessoais, familiares, educacionais e  íntimas.
Além de superar tais decisões, são obrigadas a tratar gentil e delicadamente com o outro, pois a sensibilidade deles está a flor da pele. Tudo incomoda. Todas palavras ferem. E a reclamação é generalizada falta atitude neles.
Deste modo, os problemas são perpetuados, além de disseminados.
Foi assim que ela decidiu colocar um ponto final naquilo que lhe perturbava. Quando é indignada sobre o fim, ela responde sinceramente que: “Estou em momento de decisão de vida – simplifiquei a vida e larguei mão dele! Como homem dá trabalho né?”.
Solenemente, todos aquiescem.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações, Pessoal, Romance

Como se sente a garota do rímel borrado

cc

Deixe um comentário

por | 30/01/2013 · 23:06

Silêncio?

f962d1e4d1c411e19e4a12313813ffc0_7

A impaciência do turbilhão de pensamentos que me bombardeiam. Às vezes, prefiro o barulho do que ficar a sós com as insistentes conselhos. Pretendê-las afastadas tornou-se um jogo cruel, pois tento ficar afastada delas. No entanto, posso sucumbir ocasionalmente.  
Quando acontece, não seriam falhas ou mesmo erros uma vez que também relevei o outro lado. Por outro lado, é perfeitamente possível aceitar as conscientes sugestões. 
Há casos em que posso mudar a opinião antes tomada e acatar outro caminho.  Dizem respeito à beleza da maturidade que reside tão somente em buscar a sua paz, isto é, a tranquilidade do seu interior.
Já tinha razão o poeta quando profetizava que: “O silêncio diz muita coisa, basta prestar atenção.”

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações, Pessoal, Sem categoria

Inspirações para a semana

Tudo azul!
Desta vez, optei por inspirações de um única cor que geralmente é deixada de lado na maquiagem, contudo, dependendo da sua aplicação deixa um ar sofisticado que foge do preto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Beleza, Inspirações, Maquiagem

Liz Gilbert

tumblr_m4ahk4lHUK1rrr69ao1_250

“As pessoas acham que a alma gêmea é o encaixe perfeito, e é isso que todo mundo quer. Mas a verdadeira alma gêmea é um espelho, a pessoa que mostra tudo que está prendendo você, a pessoa que chama a sua atenção para você mesmo para que você possa mudar a sua vida. Uma verdadeira alma gêmea é provavelmente a pessoa mais importante que você vai conhecer, porque elas derrubam as suas paredes e te acordam com um tapa. Mas viver com uma alma gêmea para sempre? Não. Dói demais. As almas gêmeas só entram na sua vida para revelar a você uma outra camada de você mesmo, e depois vão embora.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações

Da série de desenvolturas da garota do rímel borrado: complicações

tumblr_mdilnwGd7f1rl8gx1o1_500

Classifico como um dos maiores dilemas da vida de solteira é quando você se torna uma ameaça em potencial para todas. Como uma ladra de namorados andando à solta por aí.
Como se atreve, né?
Fico incrédula quando chego em um local para jantar, nem é balada, e sou olhada como um monstro asqueroso pelas namoradas de amigos. Onde já se viu cumprimentar um amigo de anos (alguns mais de uma década)?!
A saída destes amigos trouxas é melhor nem olhar para não dar ensejo a uma briga digna de “Ultimate Fighting Championship”. Realmente, ninguém percebeu a namorada ciumenta por insegurança de perder um cara. Igualmente, até começar a namorá-la, ele não tinha amigas antes ou teve qualquer contato com sexo oposto, né? 
A partir destas situações cotidianas, amigo comandado pela namorada já percebo à distância e nem dou um singelo “oi” com a cabeça. Vou até a sua mesa para dar um gelo nele e cumprimentar quem estiver na mesa, menos o casalzinho desprezível. Nestes casos, não fique chateado se eu não atender sua ligação ou meu celular mudar de número quando estiver solteiro para sair, jantar, contar piadas ou comentar sobre alguma coisa sobre os tempos de colégio…

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações

Entre o nada e o tudo

tumblr_mfzvslc8LA1qat6ioo1_500

É perfeitamente notório que decisões não são meu ponto forte, quer dizer, as dúvidas me abatem. Somente quando me decido sobre o que fazer, não há voltas.
Deveria treinar a paciência para que vencesse a minha ansiedade, porém neste ponto sou teimosa. Quem sabe confiar no tempo seja o remédio…
Queria não ponderar com maturidade a respeito, apenas vivendo e não me preocupando, não obstante, a a implicante vida me ensinou que é necessário precaver-se.
Preferiria mil vezes, uma atitude infantil vivendo despretensiosamente, contudo, não sou assim. Duvido que me arriscaria neste sentido.
Ia te ligar para falar nada só por saudades, mas nesse meio tempo o tudo apareceu e convenhamos entre o nada e o tudo, fico com o tudo!

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações, Pessoal