Arquivo da categoria: Cultura e Entretenimento

Novas atitudes = novos resultados

Aproveitando um tópico da minha petição, oportunizou que eu escrevesse sobre isso.
Falta de tempo e de paciência me deixam profundamente irritada em especial com a banalização de sentimentos (que acabou ficando para um próximo texto).
Escutei um excelente conselho hoje: “Lembre-se: se você quer que algo aconteça de forma diferente na sua vida, também deve fazer algo diferente.” (ROBERTO SHINYASHIKI) 
Impossível não concordar com isso.
Ao invés de ficar reclamando, o melhor a ser feito é alterar os seus padrões de comportamentos, passando a agir diferentemente do seu costume para alcançar novos resultados.
Portanto, se você está insatisfeito com os passos seguidos, tente desviar-se desse caminho e mudar seu rumo para que a novidade te alcance.
Confesso que ainda estou refletindo sobre isso e analisando a minha estrada que até o presente momento me surpreendeu quando mudei de atitude – deixando para trás tudo que fazia para agradar aos outros e parti na aventura da minha jornada, sabendo que fiz o melhor que eu pude, afastando-me de gente negativa e pessimista, arriscando todas as minhas fichas nas oportunidades que apareceram e posso lhes garantir que não me arrependo.
Vocês também deveriam adotar esse conselho.
Fica a dica! 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento, Divagações

Persuasão de Jane Austen

“Não posso mais ouvir em silêncio. Preciso falar com você pelos meios de que disponho neste momento. Você partiu minha alma. Sou metade agonia, metade esperança. Não me diga que é tarde demais, que sentimentos tão preciosos foram-se para sempre. Ofereço-me para você de novo com um coração muito mais seu do que quando você quase o despedaçou há oito anos e meio atrás. Não se atreva a dizer que o homem esquece mais rápido do que a mulher, que seu amor morre mais cedo. Eu tenho amado somente você, mais ninguém. Injusto posso ter sido, fraco e ressentido também, mas nunca inconstante. Você, apenas você trouxe-me para Bath. Faço planos pensando somente em você. Você não ainda percebeu? Terá você falhado em entender meus desejos? Eu não teria esperado nem estes dez dias se tivesse podido ler seus sentimentos como eu penso que você penetrou nos meus. Quase não posso escrever. A todo instante ouço alguma coisa que me atordoa. Você abaixa sua voz, mas eu posso distinguir seus tons mesmo quando perdidos em meio aos outros. Boníssima e excelente criatura! Você nos faz justiça, deveras. Você crê que há afeto verdadeiro e constância entre os homens. Creia “nisto” mais fervoroso e constante em F. W. Devo partir – incerto de minha sorte –, mas voltarei aqui ou irei para sua festa, assim que possível. Uma palavra, um olhar, será o suficiente para que eu decida entrar na casa de seu pai esta noite, ou nunca.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento

Comunicação truncada

Hoje tive um pequeno debate de pensamentos com uma querida amiga ao afirmar que eu, como boa libriana, adoro uma incerteza, algo indefinido. Logo quase que imediatamente, ela rebateu que “ahhh para! Eu tenho pavor! Gosto de tudo às claras, esclarecido, transparente.” Para deixar meu ponto de vista esclarecido completei: “Libriana curte a indecisão, refletir sobre, relevar… mas quando se decide sai de baixo: ou é adeus ou é confirmação!”
Diante disso, sem nenhuma correlação, me recordei que tinha deixado como mero esboço deste conto aqui, meio esquecido até que pudesse claramente demonstrar o que defendo há tempos: simplicidade e por relacionamentos mais diretos.
Tenho observado, e sim me incluo nesta temível lista de pessoas que vibram quando sabem que o seu respectivo está com “sintomas de saudades”, cercando quando desapareço por um considerável tempo, indagando com perguntas sublimes indicativas de ciúmes, sabem?
Era disso que a minha amiga estava tentando me ensinar o caminho das pedras sem a necessidade de tropeços e tombos, porém, entendi a pretensão de cuidado. Trata-se de conselho digno de uma grande amiga.
Tudo seria tão facilitado se as relações fossem pautadas pela fidelidade da verdade. A sinceridade deveria permear toda e qualquer relação, infelizmente, não é o que ocorre.
Por ter muitos amigos (sexo masculino) e conviver com muitos homens, é evidente a qualquer um que cada sexo responde diferente aos sentimentos. Não obstante, já escrevi sobre isso antes e como diria Jean Jacques Rousseau: “A mulher tem mais espírito, o homem mais gênio. A mulher olha, o homem compreende.” 
Se você gosta de alguém diga expressamente, sem rodeios, sem meias palavras. Gestos podem até importar, todavia, nada supera ouvir de quem você gosta o quanto ele/a lhe quer bem. 
Tive relacionamentos nos quais haviam diversos confidentes, exceto a quem importava e isso gerou inúmeras discussões contraditórias (nem preciso lhes destacar isso).
Tudo que fica às claras é identificado e perceptível. 
Detesto viver momentos típicos de “e se”. Por isso que tenho como regra me arrepender de ter feito do que não ter agido, pelo menos tentei. Tentativas de acertos são as justificativas para seguir em frente.
Não tenha a obstinação de viver um eterno jogo no qual você é o constante e eterno perdedor. Diga o que sente antes que seja tarde demais, daí, meus amigos, não queria sentir este arrependimento de ter que esquecer alguém a quem não se deu o valor devido no momento.

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento, Divagações, Pessoal, Romance

Madre Teresa de Calcutá

“Todas as nossas palavras serão inúteis se não brotarem do fundo do coração. As palavras que não dão luz aumentam a escuridão.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento

Carambolas de originalidade


Sempre prezei pela originalidade. Quando era pequena, estava no Jardim da infância e  foi solicitada pela professora que cada criança levasse uma fruta para fazermos uma salada de frutas na “escolinha” Pingo de Gente (nome típico de escola de ensino infantil).
É claro que para quem me conhece bem sabe perfeitamente que jamais ousaria levar a usual maçã, pêra, abacaxi, morango… Optei por uma fruta irreverente que tinha um pé lá minha casa em Engenheiro Beltrão, a carambola.
Confesso que sou fascinada pela fruta em especial no tocante ao seu formato, principalmente quando é cortada, parece  uma estrela.
Prefiro ser uma carambola original com um aspecto nada comum e bizarro para uma fruta, mas que ao se permitir cortar, é uma divina e agridoce estrela.

Deixe um comentário

Arquivado em Contos, Cultura e Entretenimento, Pessoal

Red Lips

Atire a primeira pedra quem não se sente simplesmente sexy quando usa um batom vermelho.
Basta só ao destaque ele dá para a maquiagem. Não é prescindível mais nenhum outro no rosto.
Com um simples batom vermelho mudo o meu dia, pois a sensação que a boca avermelhada proporciona é de:

“Nem vem tirar meu riso frouxo com algum conselho
Que hoje eu passei batom vermelho,
Eu tenho tido a alegria como dom
Em cada canto eu vejo o lado bom.”

Malu Magalhães

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento

Francis Bacon

“Há livros de que apenas é preciso provar, outros que têm de se devorar, outros, enfim, mas são poucos, que se tornam indispensáveis, por assim dizer, mastigar e digerir.”

Deixe um comentário

Arquivado em Citações, Cultura e Entretenimento